Na noite escura

2016_12_20_17_26_110002Título: Na noite escura
Autor: Bruno Munari
Ilustrador: Bruno Munari
Tradutor: Nilson Moulin
Número de chamada: LIJ 8588
Número de registro: 20319/2011
Editora: Cosac Naify
Ano de publicação: 2007
Número de páginas: 54

 

 

 

 

 

 

 

Resenha:2016_12_20_17_26_110001
O autor, renomado designer (na prática e na teoria), foi um pesquisador de linguagens. Neste livro, traz luz sobre as possibilidades do “livro-ilegível”, em que a experiência lúdica complementa a leitura. Já na capa, preta com elementos e informações em azul escuro, os olhos amarelos de um gato iluminam a cena e instigam o leitor a mergulhar na escuridão. A cada página tira-se partido do papel e de recursos gráficos que possibilitem ao leitor ultrapassar barreiras e medos, e desvendar o que está por trás. Tirando partido de transparências e facas gráficas diversas, abrem-se janelas para a poesia e para o mistério das coisas simples. No diálogo e na cooperação entre forma e conteúdo, que agem de maneira integrada, o autor valoriza e enobrece o livro e a experiência da leitura, utilizando textos e imagens sintéticas, compostas de silhuetas de personagens e objetos à contraluz, que revelam o fluxo diuturno do tempo.  Tanto o tema tratado (e todos os temas transversais correlacionados), como a ludicidade como ele é apresentado, podem servir a diversas atividades criativas e práticas de leitura, individuais e compartilhadas.
Palavras-chave: curiosidade, ludicidade, medo
Imagem-chave: página 18 e 19
Resenhista: Guto Lins

 

rodapé_gg

© 2016 iiLer/Cátedra Unesco de Leitura PUC-Rio Todos os direitos Reservados

Webmaster responsável: Viviane Moreira

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?